Champagne – Como saborear

Olá Amigos

Encontrei esta reportagem e achei interessante compartilhar com vocês. Afinal, festa, comemoração e Champanhe tem tudo a ver.
‘Champanhe é sinônimo de comemoração, seja no Reveillon, na Formatura, no Nascimento de um filho, Casamento, Noivado, Aniversário, etc.
O que pouca gente sabe é que não precisa esperar por uma cerimônia formal para incluir o vinho espumante nas taças da festa. Além de combinar com quase todos os pratos, do aperitivo à sobremesa e até mesmo com cachorro-quente, hoje é possível encontrar no mercado versões para todos os bolsos.
Para harmonizar:
– Entradas como canapés e frutas secas pedem por um espumante seco, como o prosecco italiano;
– No prato principal, carnes mais gordurosas, como a de porco e a de peru, também pedem espumantes secos, porém com mais acidez.
– Já peixes e frutos do mar exigem uma bebida mais leve, tipo demi-sec.
– Para sobremesa, aposte nos espumantes mais doces, como os feitos a partir da uva moscatel.’
O champanhe ou champanha (em francês Champagne) é um vinho branco espumante, produzido na região de Champagne, nordeste da França, através da fermentação a Uva (uma ou várias espécies). A palavra “champagne” é uma Denominação de Origem Controlada (DOC), e apenas pode ser utilizada nos vinhos espumantes originais da região. Qualquer vinhos semelhante, mesmo produzido pelo método champanhes noutros locais ou países, só pode ser chamado de “espumante” e nunca “champanhe”
Abraços à todos
Everson Simizu
fonte: ‘Revista da COOP nº 315-maio/2010’ – ‘Wikipédia-champanhe’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *